adrianabarbosa

Adriana Barbosa e empoderamento das mulheres negras

Em 1992, no contexto de comemorar o primeiro Encontro de Mulheres Afro-latino-americanas e Afro-caribenhas, foi criada uma rede exclusiva para mulheres negras. 

No Brasil, o 25 de julho está presente no calendário oficial em que se celebra o Dia de Tereza de Benguela, Dia Nacional da Mulher Negra. É importante ressaltar que o dia marca também a Diáspora africana, que envolveu migração forçada de africanos, durante o tráfico transatlântico de escravizados. Com o objetivo de reforçar a importância dessa data, a Mauricio de Sousa Produções fez uma homenagem muito singela e afetuosa. Representada pela personagem Milena, Adriana Barbosa passou a ingressar no hall do Donas da Rua da História. O projeto é uma ação da MSP que demonstra seu compromisso como signatária dos Princípios de Empoderamento das Mulheres, plataforma da ONU Mulheres e do Pacto Global, e tem como objetivo resgatar a trajetória de mulheres que marcaram a humanidade com suas ações.